Ir para o conteúdo

Prefeitura de Costa Rica - MS e os cookies: Nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
OK
Prefeitura de Costa Rica - MS
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Instagram
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
SET
28
28 SET 2022
ASSISTÊNCIA SOCIAL
Assistência Social inicia oficinas socioeducativas com 50 participantes do Projeto Primavera
enviar para um amigo
receba notícias
Teve início na última segunda-feira (26), no Conviver (Centro de Convivência do Idoso) as oficinas socioeducativas voltadas às participantes do Projeto Primavera 2022. A iniciativa é do Governo de Costa Rica, através da Secretaria Municipal de Assistência Social.
 
A primeira temática abordou a “Importância da permanência na escola e na escolha da profissão”. Ao todo, 50 adolescentes nascidas no ano de 2007 estão participando do projeto. Conforme a programação, as oficinas acontecem toda segunda-feira e seguem até o final do mês de novembro.
 
De acordo com a coordenadora de execução do Projeto Primavera, Iandra Garcia Barcelos de Amorim, a iniciativa visa por meio de oficinas socioeducativas e o tradicional Baile de Debutantes, previsto para 3 de dezembro, comemorar e marcar a fase de transição na vida das adolescentes.
 
Além das festividades envolvidas na representatividade de completar 15 anos, o projeto visa durante sua execução, despertar as adolescentes para a realidade da vida e seus desafios, buscando a inserção das mesmas na sociedade.

As participantes foram divididas em 10 grupos. Cada grupo conta com uma madrinha que verifica o desenvolvimento de cada participante, pontualidade, faz o acompanhamento familiar, verifica as demandas e repassa para a coordenação.
 
“As oficinas socioeducativas são realizadas com acompanhamento de psicólogas e assistentes sociais, com foco no fortalecimento de vínculos familiares e comunitários. A metodologia utilizada nas oficinas, através das rodas de conversa, permite colocar as participantes como protagonistas, possibilitando a cada uma delas a oportunidade de resgatar a autoestima, criar projetos pessoais, desenvolver competências, ampliarem o universo cultural e serem inseridas na sociedade”, completou a coordenadora geral e secretária de Assistência Social, Evair Gomes.  
 
 
 
Fonte: Assessoria de Comunicação
Autor: Angela Bezerra
Seta
Versão do Sistema: 3.2.8 - 16/11/2022
Copyright Instar - 2006-2022. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia