Ir para o conteúdo

Prefeitura de Costa Rica - MS e os cookies: Nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
OK
Prefeitura de Costa Rica - MS
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Instagram
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
30
30 -0001
MULHERES
Enfrentamento à violência contra mulheres ganha parceria da Educação costarriquense
Foto Noticia Principal Grande
Fotos: Silvestre de Castro - Assecom - PMCR
enviar para um amigo
receba notícias
Nesta segunda-feira (21), durante reunião na sala do gabinete no Paço Municipal, a Secretaria de Políticas Públicas para as Mulheres de Costa Rica ganhou a adesão da SEMED (Secretaria Municipal de Educação) no enfrentamento à violência contra Mulheres.
 
Na oportunidade, esteve presente a subsecretária de Políticas Públicas para Mulheres do Governo de Mato Grosso do Sul, Rosana Leal, e destacou que o objetivo da reunião foi conversar com as coordenadoras, diretoras e equipe vinculada à SEMED sobre como dialogar com os pais e os alunos sobre o enfrentamento à violência contra mulheres no âmbito escolar.
 
“Foi muito positivo, saímos muito contentes porque a ideia vai se disseminar no município, através do conhecimento e é essa a intenção da parceria. Existe o dia ‘D’ dos pais na escola e em breve vamos voltar aqui para falar com pais e alunos. É uma inciativa muito importante, espero que seja implantada logo e comece a surtir efeitos desejados. A minha tarefa é levar informações a todas as mulheres e dizer que a violência contra a mulher é crime, portanto, não se cale”, argumentou a subsecretária.
 
Para a gestora da pasta e primeira-dama, Márcia Alves, a parceria é importante para trazer à pauta violência doméstica para dentro da escola, abarcando as famílias, priorizando a prevenção contra a violência doméstica. “Dessa forma, conseguiremos detectar, reconhecer a cada ocorrência e sabermos agir de uma forma ágil. O projeto ‘Maria da Penha vai à Escola’, instalado na REME (Rede Municipal de Ensino) irá somar com os órgãos de proteção e apoio à mulher costarriquense”, completou a secretária.
 
Fonte: Assessoria de Comunicação - PMCR
Autor: Silvestre de Castro - Jornalista e Radialista
Seta
Versão do Sistema: 3.2.10 - 11/01/2023
Copyright Instar - 2006-2023. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia