Ir para o conteúdo

Prefeitura de Costa Rica - MS e os cookies: Nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
OK
Prefeitura de Costa Rica - MS
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Instagram
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
JUN
03
03 JUN 2022
SAÚDE
Blitz educativa para alertar sobre os perigos da Dengue é realizada no Centro de Costa Rica
Foto Noticia Principal Grande
Fotos: Larissa Costa - Assecom - PMCR
enviar para um amigo
receba notícias
PROCESSANDO ÁUDIO
Nesta quarta-feira (1º), os Agentes de Combate à Endemias de Costa Rica realizaram no Centro da cidade, uma blitz educativa para alertar sobre os perigos da Dengue. Com ao apoio da Polícia Militar, a iniciativa teve a participação de um ator vestido de mosquito para sensibilizar os motoristas e transeuntes, sobre pequenas atitudes e ações de prevenção à Dengue. A equipe têm realizado diversas ações buscando o apoio da população para o combate ao mosquito transmissor da Dengue, Zika, Chikungunya e Febre Amarela.
 
De acordo com o coordenador, Geandro Alemida dos Santos, o Poder Público está fazendo sua parte com todas as medidas cabíveis já que mesmo em período de seca o mosquito continua fazendo vítimas, portanto é indispensável o apoio da população.
 
“Estudos indicam que uma das formas de controle da Dengue é o combate do mosquito vetor, Aedes aegypti e para a prevenção da doença é fundamental a participação da comunidade por meio de uma mobilização social. Ampliar os conhecimentos sobre a Dengue é algo muito positivo, pois reduz a incidência de casos”, justifica Geandro.
 
A ação de conscientização e educação para eliminar os criadouros do mosquito Aedes Aegypti e afastar, de vez, o perigo de epidemia das doenças transmitidas por ele, realizada pelos Agentes de combate às endemias do PMCD (Programa Municipal de Combate à Dengue) busca o apoio da população para ser parceiro na luta contra o transmissor de tantas doenças e que podem deixar sequelas e levar à morte.
 
Os agentes utilizaram impressos informativas chamando a atenção da população quanto à necessidade de vistoriar seus quintais e casas e eliminar todos os criadouros do mosquito. Além disso, eles distribuíram panfletos educativos para os pedestres, ensinando que a forma mais eficiente de combater o Aedes Aegypti é a eliminação de possíveis criadouros acumulativos de água parada.
 
Eles também alertaram que é possível afastar de vez a possibilidade de epidemia das doenças transmitidas pelos mosquitos com atitudes preventivas e simples.
 
Garrafas PET e de vidro: As garrafas devem ser embaladas e descartadas corretamente na lixeira, em local coberto ou de boca para baixo.
 
Lajes: Não deixe água acumular nas lajes. Mantenha-as sempre secas.
 
Ralos: Tampe os ralos com telas ou mantenha-os vedados, principalmente, os que estão fora de uso.
 
Vasos sanitários: Deixe a tampa sempre fechada ou vede com plástico.
 
Piscinas: Mantenha a piscina sempre limpa. Use cloro para tratar a água e o filtro periodicamente.
 
Coletor de água da geladeira e ar-condicionado: Atrás da geladeira existe um coletor de água. Lave-o uma vez por semana, assim como as bandejas do ar-condicionado.
 
Calhas: Limpe e nivele. Mantenha-as sempre sem folhas e materiais que possam impedir a passagem da água.
 
Cacos de vidros nos muros: Vede com cimento ou quebre todos os cacos que possam acumular água.
 
Baldes e vasos de plantas vazios: Guarde-os em local coberto, com a boca para baixo.
 
Plantas que acumulam água: Evite ter bromélias e outras plantas que acumulam água, ou retire semanalmente a água das folhas.
 
Suporte de garrafão de água mineral: Lave-o sempre quando fizer a troca. Mantenha vedado quando não estiver em uso.
 
Falhas nos rebocos: Conserte e nivele toda imperfeição em pisos e locais que possam acumular água.
 
Caixas de água, cisternas e poços: Mantenha-os fechados e vedados. Tampe com tela aqueles que não têm tampa própria.
 
Tonéis e depósitos de água: Mantenha-os vedados. Os que não têm tampa devem ser escovados e cobertos com tela.
 
Objetos que acumulam água: Coloque num saco plástico, feche bem e jogue corretamente no lixo.
 
Vasilhas para animais: Os potes com água para animais devem ser muito bem lavados com água corrente e sabão no mínimo duas vezes por semana.
 
Pratinhos de vasos de plantas: Mantenha-os limpos e coloque areia até a borda.
 
Objetos d’água decorativos: Mantenha-os sempre limpos com água tratada com cloro ou encha-os com areia. Crie peixes, pois eles se alimentam das larvas do mosquito.
 
Lixo, entulho e pneus velhos: Entulho e lixo devem ser descartados corretamente. Guarde os pneus em local coberto ou faça furos para não acumular água.
 
Lixeira dentro e fora de casa: Mantenha a lixeira tampada e protegida da chuva. Feche bem o saco plástico.
 
 
Fonte: Assessoria de Comunicação - PMCR
Autor: Silvestre de Castro - Jornalista e Radialista
Seta
Versão do Sistema: 3.2.6 - 05/09/2022
Copyright Instar - 2006-2022. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia